Campanhas de Conscientização em Setembro

Setembro Verde

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) iniciou, nesta sexta-feira (02), a campanha “Setembro Verde”, com o objetivo de estimular o aumento da doação de órgãos no Espírito Santo. A solenidade ocorreu na sede de Secretaria, em Vitória. As ações serão coordenadas pela Central de Notificação, Captação e Doação de Órgãos (CNCDO).

O secretário de Estado da Saúde, Ricardo de Oliveira, agradeceu o empenho da CNCDO e dos demais profissionais envolvidos com a captação e doação de órgãos no Estado para que as ações aconteçam. Segundo Oliveira, para atender às necessidades de saúde da população da melhor maneira, a Sesa está buscando a qualidade da aplicação dos recursos e uma gestão eficiente. “Esse é o nosso desafio e ele se traduz em ampliação e qualidade do atendimento nos serviços de saúde do Estado”, reforçou.

A coordenadora da CNCDO, Raquel Matiello, agradeceu o apoio do Governo pela logística disponibilizada para realizar a captação de órgãos e enfatizou que o principal objetivo da campanha é promover o crescimento da doação no Espírito Santo. “O Setembro Verde é muito importante porque o tema doação de órgãos será enfatizado neste mês, com intensificação das ações que a Central já promove durante todo o ano”, afirmou.

Durante a cerimônia que deu início à campanha os servidores presentes puderam tirar dúvidas sobre todo o processo da doação de órgãos, transplante e como se tornar um doador.

Segundo Raquel Matiello, a recusa familiar em doar os órgãos de seu parente ainda é um impedimento para efetivação da doação no Estado, pois é somente a família que pode autorizar a doação. “É importante inserir o tema nas discussões em família, para que o assunto seja conversado abertamente entre as pessoas e que seja manifestado aos familiares o desejo de ser um doador”, explica.

FONTE: Governo do Estado

Setembro Amarelo

Os números são estarrecedores. A cada 45 minutos um brasileiro morre vítima do suicídio. Em todo o mundo, ele mata mais que as guerras. Para reverter este quadro, foi criado o movimento mundial Setembro Amarelo, que é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio.

A campanha ocorre desde 2014 e consiste em iluminar ou sinalizar locais públicos com faixas ou símbolos amarelos, além da realização de atividades sobre o tema. O objetivo é alertar a população sobre o problema e mostrar que nove em cada 10 casos poderiam ser prevenidos.

No Espírito Santo, já está confirmada a iluminação dos pilares da Terceira Ponte, o Teatro da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e da sede do Centro de Valorização da Vida (CVV) CVV, na Avenida Alberto Torres, 153, Jucutuquara, Vitória. Além disso, está programada uma série de atividades, como palestras, seminários, distribuição de informativos, caminhadas, entre outras.

Iniciado no Brasil pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), o Setembro Amarelo realizou as primeiras atividades em 2014 concentradas em Brasília. Em 2015 já conseguiu uma maior exposição com ações em todas as regiões do País. Mundialmente, a Associação Internacional para Prevenção do Suicídio (ASP) estimula a divulgação da causa, sendo 10 de Setembro o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.

FONTE: ES HOJE